Início > Alverca > Elsa Casanova participa em “Fado – História de um Povo”

Elsa Casanova participa em “Fado – História de um Povo”

SOCIEDADE. A jovem fadista Elsa Casanova, à direita na foto, da Escola de Fado Amador e Criativo de Alverca, está a participar num musical de Filipe La Feria que estreará este ano.

Nuno Lopes / Mário Caritas

A fadista amadora Elsa Casanova, que integra a Escola de Fado Amador e Criativo de Alverca (EFACA), está actualmente a participar nos ensaios do musical: “Fado, História de um Povo”, de Filipe La Féria. A jovem de 20 anos, que venceu a Grande Noite do Fado em 2007 (seniores), foi convidada para integrar este elenco após ter participado recentemente em duas galas de fado transmitidas em directo pela RTP.

“Desde muito nova que estou ligada ao meio artístico, nomeadamente ao fado. Fui primeiro impulsionada pelo meu pai e pelo meu tio, que cantavam e ainda cantam; desde miúda que gosto de fado, oiço fado e mais tarde comecei a cantar”, refere Elsa, residente em Alhandra, cuja voz tem apaixonado o público da região e do país.

A artista já tentou a profissionalização no difícil meio fadista. Mas, até ao momento, sem sucesso. “Tenho tentado a profissionalização, tenho ido a castings, sinto que agora estou a conseguir evoluir um bocadinho mais…”

“Sempre me incentivaram a lançar CD”

Logo a participação neste musical, que estreará ainda este ano no Casino do Estoril, poderá ser um tónico para a desejada profissionalização. “É a primeira vez que estou a trabalhar com um elenco desta dimensão, aliás nunca tinha feito teatro profissional. É muito giro, está a ser uma experiência espectacular e tenho aprendido bastante com pessoas que estão neste meio há muitos anos”, sublinha a artista.

Ou seja, neste momento Elsa Casanova alia a sua bonita voz à arte de representar onde dá os primeiros passos. “Estou neste musical sobretudo pela minha voz, canto fado mas também faço figuração e danço, enfim faço de tudo um pouco.” Para mais tarde poderá ficar o lançamento de um CD de originais. “Sempre me incentivaram a lançar um CD, mas para o fazer preciso de tranquilidade, de fazer uma coisa como deve ser. Neste momento não é um objectivo, mas mais tarde espero que sim.”

Categorias:Alverca
  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: