Início > Alverca > Fábio Simões, o génio da bola

Fábio Simões, o génio da bola

DESPORTO. É um autêntico “Cristiano Ronaldo” dos toques na bola. Este jovem de 16 anos, residente em A-dos-Potes, é campeão nacional de Futebol Freestyle e prepara-se para representar Portugal no mundial.

Mário Caritas

É no pacato lugar de A-dos-Potes, em Alverca, que mora um menino-prodígio dos toques na bola. Fábio Simões, 16 anos, venceu em Março a primeira edição do Red Bull Street Style, competição que juntou os melhores praticantes nacionais de Futebol Freestyle, modalidade que começa agora a dar nas vistas. Fábio prepara-se entretanto para representar Portugal na final mundial do Red Bull Street Style, que terá lugar na Cidade do Cabo, na África do Sul, no próximo dia 28 de Abril.

Este desporto consiste basicamente em saber dar toques e fazer acrobacias com uma bola de futebol, combinando técnica, habilidade e criatividade, ao mesmo tempo que o praticante tem de procurar acompanhar o ritmo da música que serve de pano de fundo a todo o exercício. “Faço basicamente truques criativos com a bola. Invento sequências, procurando não ser repetitivo e, se possível, sem deixar cair a bola. Existem três júris: um avalia a técnica, outro a criatividade e outro a comparação com a música, ou seja, verifica se estamos a fazer o exercício ao ritmo da música”, explica este autêntico “Cristiano Ronaldo” dos toques na bola, que foi eleito o melhor entre os 16 finalistas de todo o país.

Se nalguns países estrangeiros esta modalidade já é praticada por milhares de atletas, em Portugal só agora começa a sair do anonimato. “Este ano foi a primeira vez que se realizou campeonato nacional, inscreveram-se 75 praticantes e desses 16 passaram à fase final; ainda assim dos 16 finalistas nem todos eram muito bons. Por outro lado, alguns atletas estrangeiros são inclusive profissionais, por isso vou à África do Sul sobretudo com o objectivo de aprender com eles, até porque vou conhecer alguns ídolos de quem eu copiava os truques e agora tenho oportunidade de estar cara-a-cara com eles.”

Este estudante do 8.º ano na Escola Pedro Jacques de Magalhães, em Alverca, acredita que irá estar à altura de representar as cores nacionais, frente a representantes de 54 países no total, mas reconhece pois que a vitória final não está nos seus horizontes. “Eles são todos muito bons, muitos já praticam a modalidade há vários anos, eu não tenho hipótese de vencer mas vou pelo menos tentar ficar entre os 16 primeiros. Vou sobretudo dar o meu melhor e é um grande orgulho representar Portugal!”

Categorias:Alverca
  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: