Início > Alverca > Passeio por calcetar há mais de 30 anos

Passeio por calcetar há mais de 30 anos

LOCAL. Na várzea do Brejo, um passeio tem mato em vez de calçada. Um morador não se conforma: “Será que são cegos?”

 Passeio Brejo

Mário Caritas

 

António Pedro, morador há 30 anos na várzea do Brejo, em Alverca, está revoltado com a alegada inoperância das entidades autárquicas. Tudo porque junto à moradia onde reside (lote 19) há um passeio que nunca foi arranjado e que hoje em dia é um amontoado de ervas e mato.

“Está assim há mais de 30 anos! Quando vim para cá morar já estava assim; entretanto requalificaram o bairro mas para esta intervenção nunca houve dinheiro”, explica aquele morador, que se mostra inconformado com a situação: “Isto é um absurdo!”

António Pedro exige que o passeio seja finalmente calcetado e já transmitiu esta reivindicação ao presidente da autarquia local, Afonso Costa. “Será que são cegos? Esta zona não é clandestina, quem aqui mora paga impostos logo merece que sejam criadas condições.” 

Categorias:Alverca
  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: